Menu

  Na quinta feira 6 de março, a Secretaria Municipal da Saúde de Itaí, realizou  palestra para os profissionais de saúde na Escola Freitas Filho com o  tema de  cuidados para prevenção das Hepatites C. A palestra foi ministrada por integrantes da ONG  C tem que saber C tem que curar.
O evento contou com a presença da Secretária Municipal da Saúde Tamara Vieira do Prefeito Municipal Valmir Domingos que prestigiaram e agradeceram a presença de todos.
Segundo estatísticas, o índice de contaminação no Brasil alcança entre 3 a 4 milhões de pessoas infectadas, é uma doença silenciosa que os sintomas não se manifestam precocemente e sim nos  estados avançados. Dessa forma a preocupação do município é sempre trazer informações à população e profissionais, com objetivo de aprimorar os conhecimentos e obter maiores resultados no campo de trabalho como exemplo tornar a busca ativa  ainda mais eficiente  principalmente o diagnóstico precoce,  proporcionando  o tratamento  mais rápido.
Segundo a Organização Mundial de Saúde, o vírus da Hepatite C já contaminou entre 170 e 200 milhões de pessoas no mundo.
No Brasil, o Ministério da Saúde admite que cerca de 4 milhões de pessoas podem estar contaminadas, mas a OMS estima que o número verdadeiro pode ser bem maior.
A Hepatite C é causada por um vírus que ataca o fígado de forma lenta e silenciosa, sem sintomas físicos para o portador. O vírus quase sempre destrói o fígado da pessoa contaminada, ocasionando, na maioria das vezes cirrose e câncer hepático. A evolução do dano hepático é diferente para cada indivíduo, podendo levar até 20 anos para a manifestação da doença. Quando detectada precocemente, a Hepatite C tem tratamento, inclusive gratuito.

 
Top