Menu

Amigo, o que será narrado a partir desde momento refere-se a acontecidos que se deram entre 16h30m e 17h00 do dia 14 de agosto de 2014, na sala de recepção da Câmara Municipal de Itaí, município paulista.
Um breve esclarecimento: as dezoito (18) fotos abaixo seguem a sequência como foram tiradas, entre a chegada do cidadão Valmir Domingos àquela recepção e a entrega da cópia da petição protocolada com o devido número do protocolo ao mencionado cidadão. As pessoas fotografadas se encontravam ou circularam naquela sala no transcorrer de referido período de tempo. Também fica esclarecido que a recepção de uma Câmara Municipal, como qualquer outra repartição pública ou similar, é local de livre acesso ao público.
Continuando.
O cidadão Valmir Domingos solicitou o protocolo de uma petição por ele subscrita e de seus documentos inclusos, e foi prontamente, competentemente e gentilmente atendido pela funcionária responsável daquela Casa de Leis.
Então, fique claro. Na quinta-feira, 14, foi protocolada regularmente na Câmara Municipal de Itaí (SP) uma petição e documentação inclusa, subscrita pelo cidadão Valmir Domingos.
Qualquer pessoa que, nesta sexta-feira, a partir das 18h00, tenha acessado o site da Câmara Municipal de Itaí (camaraitai.sp.gov.br), em sua página inicial, ao clicar o ícone “Pauta da12ª Sessão Ordinária dia 18/08/2014” acessou a pauta da sessão ordinária que acontecerá no próximo dia 18 de agosto, segunda-feira.
Ainda nesta sexta-feira, 15, entre 18h00 e 23h00, numa atenta leitura desta “Pauta da 12ª Sessão Ordinária dia 18/08/2014”, não se encontra menção à petição subscrita pelo cidadão Valmir Domingos.
Assim, ninguém poderá condenar aquele que venha presumir que na sessão ordinária do dia 18.08, segunda-feira próxima, o inteiro teor dessa petição subscrita pelo cidadão Valmir Domingos será levado ao conhecimento dos vereadores da Câmara Municipal de Itaí (são eles: Afonso Alcides Fogaça, Armando Camilo Martins, Avelino Nicetto Bueno, Denilson José de Almeida, Maria Antonia Monteiro, Nilton Francisco de Queiroz, Sidney da Silva, Silvio Aparecido Cassu) como também ao cidadão itaiense (neste caso, em cumprimento ao princípio constitucional da publicidade).
 
Top