Menu


Festa clandestina na represa Ganha repercussão  de Itaí
Recentemente, aconteceu na represa de Itaí, uma festa clandestina que teria sido organizada por jovens do mundo social de Avaré, e que está ganhando repercussão pelo fato do avareense Pauloh Proença ter levantado praticamente tudo o que ocorreu no local, inclusive estando munido de farto documento que comprova a realização dessa festa clandestina e, agora, estar sendo ameaçado por alguns desses jovens.

A festa clandestina foi organizada de forma que não tivesse uma divulgação simples, muito pelo contrário, foi organizado através da rede social com truques de quem entende como lidar com os aplicativos do celular. Mas o que causa estranheza é saber que a maioria presente era composta por jovens da região, inclusive filhos de médicos, pessoas de suposto bom posicionamento social e de bom conhecimento de Avaré e região, participando de uma festa clandestina que deverá ser realmente investigada em razão das ameaças a quem levantou a festa.

O prefeito da cidade de Itaí, Tiago Michelin, segundo consta, tomou conhecimento do caso e, desde o ocorrido, está tomando providências no sentido de resolver a questão conforme demanda o decreto do governo do estado e que isso não pode ocorrer em razão de uma pandemia em que muita gente está perdendo a vida e os jovens demonstram não ter receio. A Prefeitura de Itaí, segundo informações, já teria lavrado multa ao proprietário do local onde ocorreu a festa.

 
Top