Menu

 



Após paralisar os serviços por conta de casos de Covid-19 entre os funcionários, a Casa da Criança de Taquarituba (SP) registrou mais cinco confirmações da doença entre os colaboradores, informou a unidade  nesta sexta-feira (4). Ao todo, dez funcionários foram contaminados pelo vírus.

 

A diretoria disse que esses outros trabalhadores tiveram o diagnóstico confirmado para coronavírus depois do espaço ter sido isolado. A Casa da Criança não informou a data das novas contaminações.

Conforme a unidade, todos eles finalizam o período de quarentena para a retomada das atividades na segunda (7).

Antes de paralisar o serviço, a unidade estava atendendo 419 crianças, sendo que, durante a pandemia, era feito um remanejamento para receber apenas 130 alunos por dia para evitar aglomeração.

Com a infecção por coronavírus de duas professoras, uma auxiliar e dois assistentes de apoio, o local suspendeu as aulas e realizou acompanhamento dos quadros médicos dos funcionários.

De acordo com a diretoria, a Vigilância Epidemiológica recebeu a notificação dos casos na época e recomendou o isolamento do espaço. Nenhum aluno foi contaminado pela Covid-19 durante todo o período.

Retorno

Depois de mais de dez dias, a Casa da Criança retoma as atividades presenciais da unidade na próxima segunda-feira.

O espaço, que atende crianças de famílias de baixa renda, estava fechado desde do fim de maio para evitar que mais casos da Covid fossem confirmados na unidade e a doença se espalhasse.

Todos os estudantes foram dispensados na época das primeiras confirmações entre os funcionários e acompanhados.

Desde o início da pandemia, Taquarituba registrou 2.571 confirmações do novo coronavírus, com 65 mortes pela doença.


 
Top