Menu

 

O governo de São Paulo espera vacinar contra a covid-19 toda a população do estado, com mais de 18 anos, até o final de outubro. A informação foi divulgada pelo governador João Doria.

Isso vai depender, no entanto, da disponibilização de doses pelo Ministério da Saúde. Segundo a coordenadora do Programa Estadual de Imunização, Regiane de Paula, o planejamento feito pelo governo paulista foi feito com base em relatório do ministério e já prevê uma possível redução ou atraso no envio de imunizantes.

Pelo novo calendário planejado pelo governo paulista, pessoas entre 55 e 59 anos de idade serão vacinadas contra a covid-19 entre os dias 1° e 20 de julho. Já entre os dias 21 e 31 de julho serão vacinados os profissionais da educação com idades entre 18 e 44 anos.

Entre os dias 2 e 16 de agosto será vacinado o público com idades entre 50 e 54 anos de idade. Já as pessoas entre 45 e 49 anos serão vacinadas no período de 17 e 31 de agosto.

O calendário prevê ainda a vacinação de pessoas com idades entre 40 e 44 anos entre os dias 1° e 10 de setembro; das pessoas entre 35 e 39 anos entre os dias 11 e 20 de setembro; e das pessoas entre 30 e 34 anos entre 21 e 30 de setembro.

Já entre os dias 1° e 10 de outubro serão vacinadas as pessoas entre 25 e 29 anos e, entre os dias 11 e 31 de outubro, as pessoas de 18 a 24 anos. A vacinação de menores de 18 anos ainda não está no planejamento porque os imunizantes disponíveis para vacinação no Brasil ainda não têm testes de eficácia com esse público.

 
Top